Translate

SDC

terça-feira, 1 de agosto de 2017

Squirting, ejaculação feminina ou água sagrada

Este é um daqueles assuntos quase tabu quando se fala de sexo, é definitivamente um tema "menos claro", altamente exagerado pela industria pornográfica e que reúne as mais várias opiniões e teorias.

Curiosamente a primeira vez que ouvimos falar sobre a ejaculação feminina, foi em conversa com amigos de fora do meio e também tinha sido uma surpresa para ele. Foi daqueles temas que captou a atenção aqui da menina, que me disse depois e a rir "um dia também vou conseguir fazer!"...rimo-nos os dois e ficou por aí.

Mais tarde e já depois de quase termos esquecido o tema, numa das nossas saídas, o tema voltou à baila da forma mais inesperada e surpreendente...aliás foi uma noite de autêntica loucura e muitas descobertas, digamos apenas que quando se juntam a fome e a vontade de comer o resultado só podia ser um, a puta da loucura!!  Recordo-me perfeitamente dessa noite, desde o primeiro olá, até aos guardanapos no bar. Dos banhos geladoooos e de um outro bem mais quente...

sacred water
A ciência olha para o fenómeno da ejaculação feminina como algo fisicamente impossível, improvável os estudos multiplicam-se e as opiniões divergem. Há quem diga que é uma capacidade inata a todas as mulheres, outros teóricos que sustentam que é algo que apenas algumas mulheres conseguem. Nós não somos especialistas, mas uma coisa podemos afirmar com toda a certeza, existe sim!! Não é urina nem excesso de lubrificação, até porque tem sabor, cheiro e textura muito diferentes, mas seja o que for é muito bom e cada vez mais mulheres descobrem esta forma diferente de prazer, por isso nada como aprender com as tradições de muitos séculos para nos ajudar a desmistificar e desfrutar deste fenómeno.

E vocês, qual é a vossa opinião sobre o squirting????



Beijinhos e abraços,





quarta-feira, 26 de julho de 2017

Exibicionistas...sim somos!!!

Desde o inicio que nos definimos no meio swinger como "hard" com pouca paciência para cafezinhos e "fodas marcadas", somos muito de nos deixar levar pelo momento, gostamos ambos de seduzir, de sermos seduzidos e nos últimos tempos assumimos a nossa veia exibicionista com a maior das naturalidades e sem falsos pudores. Não criticamos a postura de ninguém, até porque no meio liberal não há formas melhores ou piores, pois cada um vive à medida dos seus desejos, fantasias e com mais ou menos coragem...mas a nós diverte-nos e excita-nos bastante a exposição, a provocação e o risco associado. Afinal quem nunca experimentou ousar, arriscar do "socialmente correto", quem nunca sentiu o medo misturado com o prazer...bem, digamos apenas que está a perder uma fatia enorme de diversão. ;)

No meio liberal o exibicionismo é bastante mais usual, no entanto a nós agrada-nos levar esse exibicionismo para o "mundo real" e ver as reações que provocamos, ou seja exibicionistas, ligeiramente provocadores e sem muita paciência...sim somos tudo isto e muito mais! :))








Beijinhos e abraços,





segunda-feira, 12 de junho de 2017

Pausa...

O "A Nossa Vida Secreta" surgiu quando nos iniciamos no universo do swing e nunca procurou ser mais do que aquilo que é, um "diário", um conjunto de relatos, histórias e algumas reflexões duma pequena parte das nossas vidas, parte essa nos tem proporcionado bastantes momentos de prazer, de auto-descoberta e de crescimento pessoal. Deu-nos a conhecer outros pontos de vista, alargou-nos os horizontes e mudou-nos na forma de encararmos e vivermos não só este lado alternativo mas na vida em geral.

Nem sempre há nada de relevante para partilhar, ou há mas por puro egoísmo não partilhamos com mais ninguém. Em 4 anos vivemos bastantes momentos que nunca vão sair do nosso universo pessoal, são apenas nossos, uns porque são demasiado pessoais ou porque envolvem terceiros, outros porque dificilmente saberíamos por onde começar...afinal como é que descrevemos situações ou pessoas que nos causaram uma mistura tão forte de sentimentos, que nos deixam completamente inebriados pelo mistura da adrenalina, da tesão, do desejo misturado com o prazer, a dor e algumas emoções que vão muito para além de apenas bom sexo....esses momentos são nossos, são privados, são únicos e esses não partilhamos com ninguém!
Mas mesmo assim há muito de nós que partilhamos, noites loucas, algumas angustias, frustrações, desejos e fantasias que nos assolam a mente e o corpo. Sabemos que muitos procuram as nossas descrições de noites loucas, mas o swing é muito mais do que apenas sexo a 4...para nós é sexo entre pessoas que sabem o querem e que se permitem desfrutar desse sexo da forma mais intensa possível e têm a coragem para sentir e viver este mundo sem refúgios nem medos. Acima de tudo tem sido uma viagem de auto-conhecimento enorme e sim algo que recomendamos a todos os casais com uma relação sólida e que são capazes de gerir os seus sentimentos e dialogar sobre tudo.

Entretanto o tempo tem sido escasso e a maturidade no meio têm-nos afastado daqui, mas não desaparecemos, não abandonamos aqui este cantinho e não deixamos de nos divertir e de ter histórias e muitas loucuras para partilhar....estamos vivos e cada vez mais loucos ;)


Beijinhos e abraços,





terça-feira, 14 de março de 2017

Inverno boreal

Definitivamente somos de sol e praia, mas o inverno também nos proporciona alguns cenários únicos. Desta vez e uma vez que tínhamos sido convidados para participar na festa Eyes Wide Shut do IN, aproveitamos o mote e fomos até um local mágico tentar recriar a sensualidade e mistério das sociedades secretas dando-lhes o nosso cunho pessoal e misturando-o com os rituais pagãos que outrora marcavam as estações e fases lunares.

A festa, bem somos altamente suspeitos para dar a nossa opinião até porque é uma das nossas preferidas, mas sem dúvida é uma daquelas festas a não perder e que recomendamos a todos os que queiram iniciar-se neste mundo de sensualidade e sedução. Dress code obrigatório, muito sensual e provocador, ambiente carregado de bom gosto, muita diversão, rostos tapados e muitos olhares cruzados...este ambiente é único das festas EWS e é capaz de proporcionar uma noite de grande diversão e qualidade para todos os casais, independentemente da experiência ou forma de estar neste meio. Esta em particular não foi exceção, mas deixamos isso para uma outra ocasião, até porque digamos apenas que acabou de uma forma bem hard, louca e selvagem...e para não fugir à regra muito bem acompanhados! ;)

Voltando às fotos, este é definitivamente um hobbie diferente, divertido, onde damos asas ao nosso lado sensual e exibicionista, mas que nos proporciona momentos de qualidade a 2 e a preocupação constante de nos mantermos objeto de desejo um do outro.
 

O mundo do swing é muito mais do que apenas o mundo da troca de casais, ou da "infidelidade consentida", aliás detestamos essa expressão. Neste mundo a infidelidade não tem lugar, aliás a confiança, o amor e a paixão são as bases para quem se permite viver a vida em pleno, sem medos, e sem receios!

Beijinhos e abraços,